/

/

/

/

/

/

/

/

/

/

/

/

/

1

1

1

1

1


1

1

1


 









Economia

Confira o horário dos bancos durante a Copa do Mundo

Dia 22/06/2018

A Federação Nacional dos Bancos (Febraban) divulgou as alterações dos horários para o atendimento do público nas agências bancárias nos dias de jogos da Seleção Brasileira, durante a Copa do Mundo da Rússia.
Segundo a (Febraban) as alterações visa garantir segurança das agências e de transporte de valores.

Nos dias de jogos do Brasil.

Em dias de jogos às 9h, o atendimento ao público nas agências bancárias do interior, da capital e regiões metropolitanas será das 13h às 17h. Nos jogos que acontecem às 11h, o atendimento ao público será das 8h30min às 10h30min e das 14h às 16h. E nos dias de jogos às 15h, o atendimento será das 9h às 13h.
Primeira Fase – Grupo E

Nesta sexta-feira, dia 22 de junho, às 9h, em Saint Petersburg, o Brasil joga contra Costa Rica.

O terceiro jogo, na quarta-feira, dia 27, será às 15h, em Moscou, no estádio Spartak, contra a Sérvia.

Classificam-se os dois primeiros de cada grupo e os dois últimos serão eliminados.

Com a antecedência mínima de 48 horas, os bancos deverão fixar avisos em suas dependências sobre o horário de atendimento nos dias de jogos.

Aneel autoriza reajuste nas tarifas da Copel

Dia 19/06/2018

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovou nesta terça-feira (19) um reajuste médio de 15,99% para as tarifas de energia da Copel Distribuição, concessionária que atende os consumidores do Paraná.

Segundo a Aneel, o reajuste médio para os consumidores industriais, atendidos em alta tensão, será de 17,55% e para os consumidores residenciais e comerciais, atendidos em baixa tensão, o reajuste médio será de 15,13%. As novas tarifas podem ser aplicadas a partir do dia 24 de junho.

A Copel atende diretamente a 4,5 milhões de unidades consumidoras em 395 municípios.

Quem esperar até agosto vai receber valor maior de Pis/Pasep

Dia 14/06/2018

Quem aguardar até agosto para sacar os recursos do PIS/Pasep receberá os valores corrigidos pelo rendimento anual do fundo. Por isso, a recomendação dos especialistas é que, quem puder, espere para retirar o dinheiro.

Na quarta-feira (13), o governo anunciou a ampliação do saque da cota do fundo para trabalhadores não aposentados de todas as idades – até então, era preciso ter 60 anos ou mais. Têm direito ao pagamento pessoas que trabalharam com carteira assinada entre 1971 e 1988 e que ainda não sacaram o saldo da conta individual.

Ao todo, 25 milhões deverão ser beneficiados com a medida -16,1 milhões têm até 59 anos. O valor médio a ser pago é de R$ 1.370 por cotista.

A partir da próxima segunda-feira (18) e até 29 de junho, serão feitos os pagamentos aos trabalhadores com 57 a 59 anos. Se sacarem neste prazo, no entanto, eles não receberão os valores considerando a remuneração do fundo no último ano. 

No último exercício computado (entre julho de 2016 e junho de 2017), por exemplo, o rendimento foi de 8,9%. Ainda não há um índice de reajuste para este ano.

“Os pagamentos dos rendimentos do fundo PIS/Pasep são feitos uma única vez ao ano, sempre ao final de junho. Então, aqueles que puderem aguardar até agosto, a gente recomenda que façam isso, para que os cotistas não percam o reajuste do exercício 2017/2018”, afirma Paulo Caffarelli, presidente do Banco do Brasil, responsável pelo pagamento do Pasep aos servidores públicos.

A segunda fase de pagamento será iniciada em agosto e contemplará todos os trabalhadores que possuem saldo de cotas, incluindo os que não realizarem o saque na primeira etapa. No dia 8, clientes do BB e da Caixa (responsável pelo PIS) receberão o valor em crédito na conta. De 14 de agosto a 28 de setembro o pagamento estará disponível para todo o público.

“Quem puder aguardar esses dois meses, é melhor, porque a conta passará a ter acréscimo. Não desprezar essas melhorias é um dos fundamentos das estratégias de finanças pessoais”, diz Alfredo Meneghetti, professor de pós-graduação em finanças e investimentos da PUC-RS.

Segundo o professor, a prioridade ao entrar dinheiro novo é quitar ou renegociar dívidas. “Depois, com o que sobrar, ou então quem não está inadimplente, pode buscar um investimento, pensando na flexibilidade e na liquidez do ativo em função da grande instabilidade que vemos no mercado financeiro hoje”, afirma.

Como será o pagamento do PIS/Pasep para todas as idades

- Os trabalhadores com idades entre 57 e 59 anos inscritos no PIS/Pasep poderão sacar a cota na Caixa Econômica Federal e no Banco do Brasil

- Tem direito a essa grana quem trabalhou com carteira assinada ou foi servidor público entre 1971 e 4 de outubro de 1988 e ainda não sacou os valores

CALENDÁRIO DE SAQUES CAIXA

Idade a partir de 57 anos - recebem de 18/06/2018 a 29/06/2018

Suspensão dos pagamentos - de 30/06/2018 a 07/08/2018

Crédito em conta para correntistas da Caixa de todas as idades - 08/08/2018

Atendimento nas Agências da Caixa para todas as idades - 14/08/2018 a 28/09/2018

CALENDÁRIO DE SAQUES DO BB

Idade a partir de 57 anos - poderão sacar diretamente nas agências até 29/06/2018

Suspensão dos pagamentos - de 30/06/2018 a 07/08/2018

Crédito em conta para correntistas de todas as idades - 08/08/2018

Trabalhadores de todas as idades não correntistas - poderão sacar até 29/09/2018 nas agências

ATENÇÃO!

Cotistas a partir de 60 anos têm direito ao saque a qualquer momento

INTERRUPÇÃO NOS PAGAMENTOS

- Entre os dias 30 de junho e 7 de agosto, os pagamentos serão interrompidos. Isso ocorrerá para que seja calculada e paga a correção anual dos valores. Ainda não há um índice de reajuste. No ano passado, a correção foi de 8,9%

HERDEIROS

Para saber se têm direito aos valores, os herdeiros podem consultar a Caixa ou o Banco do Brasil. Para o saque, será preciso ir a uma agência bancária com um dos seguintes documentos:

-Documento de identificação do herdeiro

-Documento de identificação do cotista que já morreu

-Comprovante de inscrição no PIS ou no Pasep

- Comprovante do vínculo com o titular, que pode ser:

1 - Certidão ou declaração de dependente habilitado à pensão por morte do INSS

2 - Atestado fornecido pelo órgão público, no caso de servidor

3 - Alvará judicial designando o sucessor ou representante legal

4 - Formal de partilha ou escritura pública de inventário e partilha.

Preço do etanol deve ficar mais competitivo em relação à gasolina

Dia 12/06/2018

A produção de álcool no Paraná para a safra 2018/2019 tem expectativa de aumento de 8%, segundo o Departamento Rural do Paraná (Deral). Entre os motivos, está a maior oferta de açúcar no mercado mundial, o que deve fazer com que o preço do combustível fique mais baixo e, consequentemente, mais competitivo.

Segundo o presidente da Associação de Produtores de Bioenergia do Paraná (Alcopar), Miguel Tranin, o preço do litro de etanol se torna mais atraente para os consumidores.

"Houve uma elevação do petróleo e recentemente uma grande variação do dólar. A tendência da gasolina é acompanhar estes preços (...) naturalmente, com a gasolina subindo mais, vai permitir uma competitividade do preço do etanol em relação à gasolina", afirma.

Consulta ao 1º lote do IR já estão abertas

Dia 08/06/2018

A Receita Federal abriu na sexta-feira (8) as consultas ao primeiro lote do Imposto de Renda de Pessoas Físicas (IRPF) de 2018. Os depósitos serão feitos em 15 de junho. O lote também inclui restituições residuais de 2008 a 2017.

Ao todo, serão pagos R$ 4,8 bilhões a 2.482.638 contribuintes. Os valores relativos apenas ao IRPF 2018 (ano base 2017) somam R$ 4,72 bilhões, abrangendo 2.463.665 contribuintes. "No presente lote, receberão a restituição os contribuintes de que tratam o art. 16 da Lei nº 9.250/95 e o Art. 69-A da Lei nº 9.784/99, sendo 228.921 contribuintes idosos acima de 80 anos, 2.100.461 contribuintes entre 60 e 79 anos e 153.256 contribuintes com alguma deficiência física ou mental ou moléstia grave", informou a Receita Federal.

Depois dos idosos e contribuintes com deficiência física ou mental ou moléstia grave, que têm prioridade no recebimento das restituições, recebem aqueles que enviaram a declaração no início do prazo, sem erros, omissões ou inconsistências, se tiverem direito.

Consultas

As consultas podem ser feitas pelo site da Receita Federal na internet. Há, ainda, o aplicativo para tablets e smartphones que facilita consulta às declarações do IRPF e situação cadastral no CPF, diretamente nas bases de dados da Receita Federal.

Malha fina

No fim do ano passado, a Receita Federal informou que 747 mil declarações estavam retidas na malha fina do IR de 2017 devido a inconsistências nas informações prestadas.

Nos últimos anos, a omissão de rendimentos foi o principal motivo para cair na malha fina, seguido por inconsistências na declaração de despesas médicas.

Para saber se está na malha fina, os contribuintes podem acessar o "extrato" do Imposto de Renda no site da Receita Federal no chamado e-CAC (Centro Virtual de Atendimento).

Para acessar o extrato do IR é necessário utilizar o código de acesso gerado na própria página da Receita Federal, ou certificado digital emitido por autoridade habilitada.

Após verificar quais inconsistências foram encontradas pela Receita Federal na declaração do Imposto de Renda, o contribuinte pode enviar uma declaração retificadora. Quando a situação for resolvida, o contribuinte sai da malha fina e, caso tenha direito, a restituição será incluída nos lotes residuais do Imposto de Renda.

Posto que não repassar desconto de R$ 0,46 do diesel será punido, diz governo

Dia 01/06/2018

O Ministério da Justiça publicou portaria sobre a fiscalização dos postos de combustíveis, para garantir que o desconto de R$ 0,46 no preço do óleo diesel, subsidiado pelo governo, chegue às bombas. De acordo com o ministro da Justiça substituto, Claudenir Pereira, os postos que não repassarem o desconto dado pelo governo poderão sofrer uma série de punições, desde multa até o fechamento do estabelecimento.

“O próprio Código de Defesa do Consumidor permite aplicação de diversas sanções a estabelecimentos que atentem contra a economia popular: multas que podem ultrapassar R$ 9 milhões, suspensão temporária das atividades, interdição do estabelecimento e até cassação da licença”, disse Pereira.

Ele informou que será formada uma rede de fiscalização, envolvendo órgãos como a Agência Nacional de Petróleo (ANP), a Advocacia-Geral da União (AGU), ministérios públicos dos estados e o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), além dos Procons estaduais. Claudenir Pereira também pediu a ajuda dos brasileiros que usam diesel em seus veículos. “Pedimos ajuda da sociedade, já que são mais de 40 mil postos de combustíveis, e é inviável fiscalizar cada um deles.”

Segundo Pereira, a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) já faz uma verificação amostral dos preços dos combustíveis. “Solicitamos os dados amostrais mais recentes, do dia 21 de maio, para verificar quais eram os valores praticados naquele momento”. De acordo com o ministro, esses dados vão servir de balizador na fiscalização, uma vez que os preços entre os postos podem mudar sem que haja abuso.

Em entrevista à imprensa, o ministro da Secretaria de Governo, Carlos Marun, ressaltou o que já dissera na quinta-feira (30): os preços podem variar entre um posto e outro, mas os R$ 0,46 devem ser descontados.

Não podemos tabelar preço e não estamos tabelando. Estamos simplesmente obrigando o posto [a repassar o desconto]. Se [em 21 de maio] o posto vendia a R$ 10,46 ele tem que vender a R$ 10, e espero que ninguém compre diesel de um posto com esse preço. Ele vai ter que vender, no mínimo, a R$ 10”, afirmou.

envie para um amigo ...... comente está matéria........ imprimir a matéria

Últimas Notícias
 
Editoria Ano Mês
 
 

É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site, em qualquer meio de comunicação eletrônica ou impresso, sem a devida autorização escrita ou via
e-mail do site Iguaçu Notícias.

 

 


1

1

1

1

1

1
1

1
1

1

1

1

1

1