/

/

/

/

/

/

/

/

/

/

/

/

/

1

1

1

1

1


1

1

1


 









Nacional

Bolsonaro e Haddad vão ao segundo turno

Dia 08/10/2018

Os candidatos Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT) decidirão no segundo turno quem será o presidente do Brasil pelos próximos quatro anos, segundo os dados de apuração do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) divulgados na noite deste domingo (7). Bolsonaro e Haddad disputam a Presidência pela primeira vez e foram os dois mais votados entre os 13 postulantes ao Palácio do Planalto.

Esta é a oitava eleição presidencial por meio do voto direto desde a redemocratização, no fim da década de 1980. O vencedor governará o Brasil de 1º de janeiro 2019 a 31 de dezembro de 2022.

O candidato Ciro Gomes (PDT) disse, em entrevista, que na segunda (7) deve anunciar se vai apoiar algum dos dois candidatos no segundo turno, mas adiantou que `ele, não".  "Eu defendo a democracia, essa é a minha vida", disse ele.  A candidata da Rede, Marina Silva, disse que o partido vai se reunir para definir sobre apoio no segundo turno, mas adiantou que o partido será com certeza oposição seja Haddad ou Bolsonaro que vença.

Deputados Estaduais eleitos no Paraná:

Delegado Francischini (PSL) - 427.749
Alexandre Curi (PSB) - 147.565
Professor Lemos (PT) - 84.892
Requião Filho (MDB) - 82.652
Tiago Amaral (PSB) - 79.455
Romanelli (PSB) - 73.383
Tadeu Veneri (PT) - 69.320
Guto Silva (PSD) - 66.412
Evandro Araujo (PSC) - 64.767
Paulo Litro (PSDB) - 61.791
Delegado Jacovós (PR) - 61.310
Gilberto Ribeiro (PP) - 60.540
Marcio Nunes (PSD) - 59.192
Coronel Lee (PSL) - 58.343
Artagão Junior (PSB) - 57.385
Tião Medeiros (PTB) - 54.276
Michele Caputo (PSDB) - 51.246
Maria Victoria (PP) - 50.414
Alexandre Amaro (PRB) - 49.565
Cristina Silvestri (PPS) - 48.805
Cobra Repórter (PSD) - 46.983
Anibelli Neto (MDB) - 46.713
Gilson de Souza (PSC) - 46.116
Tercilio Turini (PPS) - 46.106
Luiz Carlos Martins (PP) - 44.001
Traiano (PSDB) - 43.601
Marcel Micheletto (PR) - 43.177
Estacho (PV) - 43.088
Homero Marchese (Pros) - 42.154
Jonas Guimarães (PSB) - 41.919
Douglas Fabricio (PPS) - 40.763
Mauro Moraes (PSD) - 39.576
Boca Aberta Junior (PRTB) - 39.495
Marcio Pacheco (PPL) - 39.323
Franscisco Buhrer (PSD) - 38.873
Nelson Justus (DEM) - 38.349
Goura (PDT) - 37.366
Delegado Fernando (PSL) - 36.937
Arilson Maroldi Chiorato (PT) - 36.494
Plauto (DEM) - 36.332
Reichembach (PSC) - 35.751
Delegado Recalcatti (PSD) - 35.348
Soldado Fruet (Pros) - 35.231
Mabel Canto (PSC) - 35.036
Soldado Adriano José (PV) - 33.757
Luiz Fernando Guerra (PSL) - 32.216
Dr. Batista (PMN) - 31.315
Luciana Rafagnin (PT) - 30.931
Nelson Luersen (PDT) - 28.877
Missionário Ricardo Arruda (PSL) - 27.574
Galo (Pode) - 26.210
Do Carmo (PSL) - 17.695
Emerson Bacil (PSL) - 17.626
Subtenente Everton (PSL) - 13.047.

Deputados Federais eleitos no Paraná:

Sargento Fahur (PSD) - 314.963
Felipe Francischini (PSL) - 241.537
Gleisi Lula (PT) - 212.513
Luizão Goulart (PRB) - 141.730
Sandro Alex (PSD) - 124.512
Leandre (PV) - 123.958
Paulo Martins (PSC) - 118.754
Gustavo Fruet (PDT) - 113.252
Giacobo (PR) - 111.384
Hermes Frangão Parcianello (MDB) - 110.717
Christiane Yared (PR) - 107.636
Diego Garcia (Pode) - 103.154
Luciano Ducci (PSB) - 98.214
Aliel Machado (PSB) - 95.386
Sergio Souza (MDB) - 94.077
Ney Leprevost (PSD) - 92.399
Pedro Lupion (DEM) - 92.300
Luisa Canziani (PTB) - 90.249
Boca Aberta (Pros) - 90.158
Ricardo Barros (PP) - 80.025
Zeca Dirceu (PT) - 77.306
Rubens Bueno (PPS) - 76.471
Schiavinato (PP) - 75.540
Filipe Barros (PSL) - 75.326
Luiz Nishimori (PR) - 73.344
Toninho Wandscheer (Pros) - 72.475
Vermelho (PSD) - 70.001
Enio Verri (PT) - 62.169
Aroldo Martins (PRB) - 52.572
Aline Sleutjes (PSL) - 33.628.

Horário de verão deve começar em 4 de novembro

Dia 01/10/2018

O horário de verão está previsto para iniciar no dia 4 de novembro. Com isso, os relógios de dez Estados mais o Distrito Federal devem ser adiantados em uma hora. Normalmente, o horário de verão começa a partir da meia-noite do terceiro domingo de outubro, mas devido a   um pedido do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que solicitou que a data não chocasse com o segundo turno das eleições deste ano, que está marcado para o dia 28 de outubro. De acordo com o TSE, essa alteração tem como intuito dar mais agilidade na apuração e na divulgação dos resultados das eleições.

envie para um amigo ...... comente está matéria........ imprimir a matéria

Últimas Notícias
 
Editoria Ano Mês
 
 

É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site, em qualquer meio de comunicação eletrônica ou impresso, sem a devida autorização escrita ou via
e-mail do site Iguaçu Notícias.

 

 

 


1

1

1

1

1

1
1

1
1

1

1

1

1

1