/

/

/

/

/

/

/

/

/

/

/

/

/

1


1

1

1

1

1

1

1


1

1

1

1

1


 









Regional

Cratera assusta moradores de Francisco Beltrão

Dia 24/10/2014

Foi registrado na rua São Paulo, no centro de Francisco Beltrão mais uma infiltração. Por isso, a secretaria de urbanismo foi acionada para resolver o problema. No local, o diretor de obras, Abel Vitto constatou que a infiltração se deu por conta do número elevado de restos de construção, pedras, areia e muitas sujeiras que entupiram a tubulação.

Para realizar a obra, a rua foi fechada e aberta uma cratera com extensão das duas pistas. Buraco que chama a atenção de quem passa pelo local “foram tirados mais de 40 cargas de terra” disse Abel. Ele falou também que o reparo foi feito, inclusive com concreto usinado, mas que o serviço não é 100% eficaz, já que a estrutura funciona parcialmente.

Sobre a liberação do trânsito, Abel afirmou que vai depender do andamento dos trabalhos “será colocada a terra até assentar bem e depois o asfalto”.

Para amenizar os problemas da rua, o Debetran e Secretaria de Urbanismo vão estudar a possibilidade de desviar o trânsito de veículos pesados por vias alternativas, para que não tenham problemas futuros.

Fonte: RBJ

Carro capota na PR-484 próximo da Linha Planalto

Dia 22/10/2014

Os socorristas do Bombeiro Comunitário de Quedas do Iguaçu, prestaram atendimento pré-hospitalar e fizeram o transporte ao hospital de uma vitima de acidente em meio de transporte, próximo ás 12h.

O acidente foi  registrado na PR-484, próximo ao matadouro do Zanela e envolveu um veículo Prisma placa AXB-2181 de Terra Roxa. O condutor do veículo Antonio Pereira dos Santos, de 54 anos teve ferimentos leves e foi  conduzido para o Hospital Municipal.

Vistoria do Corpo de  Bombeiros poderá ser solicitada via internet

Dia 20/10/2014

Uma nova ferramenta desenvolvida pelo Corpo de Bombeiros e pela Companhia de Tecnologia da Informação e Comunicação do Paraná (Celepar), vai agilizar e facilitar os pedidos de vistoria para novos empreendimentos.

O novo sistema, denominado Prevfogo, estará disponível a partir do dia 20 de outubro e permitirá que o pedido da vistoria e também o acompanhamento do processo sejam feitos pela internet. A vistoria propriamente dita prosseguirá sendo feita presencialmente.

Até então, os empreendedores precisavam se deslocar até um batalhão do Corpo de Bombeiros para fazer o pedido de vistoria e recolher a guia de pagamento. Com o sistema, tanto o pedido como a emissão do boleto são feitos virtualmente, o que representa uma economia de tempo e dinheiro para o empreendedor.

O novo sistema vai contribuir para agilizar a emissão de alvarás, já que a vistoria feita pelo Corpo de Bombeiros é uma das etapas fundamentais para obtenção do documento.

Acompanhamento

Outra vantagem do sistema é o acompanhamento de todas as etapas do processo pela internet, o que antes só era possível por telefone ou presencialmente. “Os empresários acabavam perdendo muito tempo ao se deslocar até um batalhão para fazer o pedido, atrasando também o processo para abrir sua empresa”, explica Maxi Tabosa, do Corpo de Bombeiros, que acompanha a implementação do sistema, pela corporação.

“Com a informatização deste processo, além de facilitar a vida de quem quer abrir um novo negócio, os bombeiros também terão mais tempo de atuar na prevenção”, complementa.

PrevFogo

Para fazer o pedido de vistoria, é necessário acessar o site do Corpo de Bombeiros no endereço eletrônico www.bombeiros.pr.gov.br. No lado direito da página, é só clicar no ícone “Prevfogo”, que direciona para um formulário de preenchimento e gera um boleto para o pagamento da taxa de vistoria. A taxa varia de acordo com a área do imóvel e com a atividade do empreendimento. As vistorias são feitas presencialmente pelos bombeiros.

O certificado tem a validade de um ano, por isso é necessário realizar um novo pedido de vistoria antes mesmo dele vencer.

Polícia Civil apreende 300 extintores falsificados em Cascavel

Dia 16/10/2014

A Polícia Civil de Cascavel, apreendeu 300 extintores adulterados na manhã de quarta-feira (15). De acordo com os policiais, uma quadrilha comprava frascos de extintores vencidos, pintava as embalagens, alterava o conteúdo e colocava um novo selo do Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial (Inmetro) com a data de validade para 2020.

A apreensão foi feita após uma denúncia da uma empresa que comprou o produto falsificado. Uma pessoa foi presa e outra foi ouvida e liberada.

Segundo a Polícia Civil, os extintores adulterados foram apreendidos em uma casa alugada para depósito do material. No local, também foram encontradas etiquetas falsificadas e camisetas da brigada de incêndio. Conforme a polícia, a quadrilha usava essas camisetas para vender os produtos.

Ainda de acordo com a polícia, os suspeitos vendiam esses extintores por R$ 60 para motoristas, e R$ 30 para comerciantes. “Nós temos que apurar, em relação aos postos de combustíveis que compraram esses produtos, se tinham conhecimento porque compravam muito abaixo do valor de mercado, e em relação aos usuários acreditamos que não porque os dados ali levam a crer que o produto é original”, afirmou o delegado da Polícia Civil, Ademair Ademair Braga junior.

O delegado disse que os produtos eram vendidos na região oeste e sudoeste do estado há, pelo menos, três meses. “Acreditamos que até o fim da tarde nós conseguiremos fazer a prisão e a apreensão de mais produtos”, disse Braga, que investiga quem é o fornecedor e fabricante dos extintores.

Criminosos apostam no tráfico por ônibus para despistar a polícia no Paraná

Dia 15/10/2014

Considerado um dos meios de transporte mais baratos, os ônibus deixaram de ser usados apenas para ir e vir de uma cidade a outra. Ao longo dos anos eles se tornaram os preferidos dos traficantes de drogas, armas, munições, cigarros entre outros produtos contrabandeados do Paraguai.

A rota, em sua maioria, parte de Foz do Iguaçu com destino a São Paulo e Rio de Janeiro. Os coletivos são usados para tentar despistar a fiscalização da PRF (Polícia Rodoviária Federal) que fica atenta a qualquer sinal de irregularidade.

A PRF não possui um cadastro específico com as apreensões realizadas dentro de coletivos, mas trabalha com uma estimativa do que é retirado de circulação.

Segundo o inspetor de tráfego e responsável pelo setor de comunicação da PRF no Estado, Cristiano Mendonça, 70% das apreensões registradas nas rodovias do Paraná envolvem ônibus. “É a forma mais fácil de se transportar, porém a quantidade é bastante limitada”.

Segundo ele, a quantidade de droga retirada de circulação nas rodovias, transportadas em ônibus, corresponde a 25% de todas as apreensões. “Se levarmos em conta que só este ano até setembro já foram 41 toneladas de maconha, são mais de dez toneladas”. Em comparação com 2013, houve um aumento significativo, de quase duas toneladas. “Em 2013 retiramos de circulação 33,5 toneladas do entorpecente”.

Em relação a cocaína, a PRF apreendeu mais de 250% nos nove primeiros meses de 2014 em comparação com 2013. “No ano passado foram 252 quilos e esse ano já são 634. Desse total, mais de 158 quilos estavam em ônibus de linha”.

No Oeste do Paraná

As fiscalizações rotineiras em todos os postos das rodovias são fundamentais para os bons índices de apreensões, segundo o inspetor de tráfego da Delegacia da Polícia Rodoviária Federal, Alysson Vidor. “Pelo efetivo que a PRF possui, é praticamente impossível fiscalizar todos os veículos que passam pelos postos. No caso dos ônibus, quando há maior contingente, todos são revistados”. Segundo ele, quando estão em menor quantidade, a fiscalização é feita por amostragem. “Fazemos algumas entrevistas, conversamos com os passageiros e, quando eles têm algo de errado, geralmente ficam mais nervosos”.

Conforme o responsável pela Delegacia da PRF de Guaíra, Higor Braga, o maior número de apreensões na região é em ônibus. “Em geral a quantidade transportada é bem menor, mas no caso de drogas, elas representam 70% do total de ocorrências”. Segundo ele, em relação ao quantitativo, o que circula nos ônibus corresponde a 25% das drogas em Guaíra.

O aumento no número de apreensões pode ser percebido conforme os dados da PRF de Foz do Iguaçu. Segundo o inspetor Raone Nogueira, nos nove primeiros meses de 2013 foram apreendidos em ônibus de linha mais de 304 quilos de maconha, em 31 ocorrências. “Além disso tivemos outras seis de crack, com 5,5 quilos; duas de cocaína, com 6 quilos, e uma de lança perfume, onde foram apreendidos 153 frascos do produto”.

Já no mesmo período de 2014, o total de apreensões de maconha foi de 29, 535 quilos; nove de crack, com 27 quilos; cinco de cocaína, com 1,5 quilo; uma de haxixe, com seis quilos, e uma ocorrência com mil comprimidos de ecstasy. “O que acontece, na maioria dos casos, é que no ônibus eles não podem transportar grandes volumes, como acontecem nos carros e caminhões, que podem circular com toneladas de drogas”.

Quedas do Iguaçu conta com a representação da FM Piscinas


O calor chegou, não deixe para a última hora para instalar a sua piscina, trazendo
qualidade de vida e bons momentos com sua família e amigos

Dia 13/10/2014

Sinônimo de qualidade e tradição a FM Piscinas conta com representação para Quedas do Iguaçu e região. Há vários anos atuando no mercado de piscinas, produtos e serviços a FM Piscinas de Pato Branco fornece uma vasta opção em piscinas de fibra de vidro com centenas de modelos para atender clientes exigentes e de bom gosto.

Além da venda e manutenção de sua piscina de fibra de vidro, a FM Piscinas conta com limpeza, instalação de aquecimento solar, instalação de cobertura de policarbonato, assistência técnica especializada em filtros e bombas, troca de areia de filtros, pintura e polimento de piscinas e  confecção de piscinas de alvenaria e vinil, de acordo com sua necessidade.

Para contato em Quedas do Iguaçu e região, representante Felippe pelos telefones (46) 9114-9857 Vivo, (49) 9910-8261 Tim SC e Mari (46) 9103 7180 Vivo.

envie para um amigo .... comente está matéria....... imprimir a matéria


Últimas Notícias
 
Editoria Ano Mês
 
 

É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site, em qualquer meio de comunicação eletrônica ou impresso, sem a devida autorização escrita ou via
e-mail do site Iguaçu Notícias.

 

 

z1

1
1

1

1

1

1

1

1

1
1

1

1

1

1

1

111

1

aa
Mais canais: Facebook - Google - Detran PR - Empregos & Negócios - Fale com o Iguaçu Notícias - Utilidades - Expediente - Tempo - Denuncie Aqui
Vendas on-line
- Busca no Site - Guia - Lista Telefônica - Rádio 92,5 FM - Regional