/

/

/

/

/

/

/

/

/

/

/

/

/

1

1

1

1

1


1

1

1


 









Política

Quedas e Espigão vão receber investimentos


Quedas do Iguaçu irá receber investimentos na ordem de R$ 240.000,00 para infraestrutura
e 500 tubos. Já a cidade vizinha de Espigão Alto R$ 682.600,00 para aquisição de duas retroescavadeiras e um rolo compactador além de 500 tubos

Dia 22/11/2017

O governador Beto Richa confirmou nesta terça-feira (21) mais R$ 100 milhões para cerca de 250 municípios investirem em melhoria urbana, agricultura, esporte, caminhões para coleta seletiva de lixo, obras de combate à erosão. Do total, R$ 63,7 milhões são de recursos a fundo perdido. Outros R$ 36,3 milhões são em financiamento junto ao Estado. Os convênios e as autorizações para financiamento foram assinados em solenidade no Palácio Iguaçu, com a presença dos prefeitos e lideranças.

“Essa parceria entre o Governo do Estado e os municípios vem se fortalecendo a cada dia. Praticamente todas as semanas repassamos recursos para os prefeitos, garantindo mais qualidade de vida para os paranaenses”, disse Richa. “Vale lembrar que só conseguimos destinar recursos graças ao ajuste fiscal iniciado há dois anos, que nos permite ampliar o percentual de investimentos nas cidades do Estado”, complementou.

Para o chefe da Casa Civil, Valdir Rossoni, essa parceria tem dado certo, também, por causa da qualidade dos gestores municipais do Paraná. “Temos uma leva de prefeitos muito competentes. Eles nos apresentam bons projetos, discutidos antes em audiência pública com a população, que cumprem os requisitos do governo estadual”, afirmou Rossoni.

SETORES

Com a Secretaria do Desenvolvimento Urbano são convênios com 58 municípios, que somam R$ 20,84 milhões, para projetos de pavimentação e outras melhorias urbanas. “Recursos importantes farão a diferença neste momento de crise, além de dar aos municípios a possibilidade de tocar as obras do dia a dia”, disse o secretário de Estado de Desenvolvimento Urbano, João Carlos Ortega.

Além disso, 24 municípios tiveram financiamentos autorizados para compra de equipamentos rodoviários, caminhões caçamba, retroescavadeiras para obras de infraestrutura urbana. Os recursos são do Sistema de Financiamento aos Municípios, operacionalizado pela Fomento Paraná, em parceria com a Secretaria do Desenvolvimento Urbano.

MEIO AMBIENTE

Dentro do Programa Sistema Integrado de Coleta Seletiva (Reciclo Paraná), foram assinados convênios com o Instituto Águas Paraná para compra de caminhões adequados para a coleta seletiva. O valor chega a R$ 22,91 milhões. “Nossa meta, até o final do ano, é entregar 229 caminhões aos municípios do Paraná”, disse Iram de Rezende, diretor-presidente do Instituto.

Além disso, o Águas Paraná repassará 44 mil metros de tubos de concreto, de diversos diâmetros, para obras de saneamento e drenagem do Programa de Controle de Erosão. São beneficiados 118 municípios, no valor aproximado de R$ 15,8 milhões.

Um dos municípios é Pérola, que vai receber 500 tubos. “Vêm em boa hora para, pois as chuvas já formaram até uma cratera na entrada da cidade”, disse o prefeito Darlan Scalco. “Vamos fazer uma galeria no local afetado para canalizar a água das chuvas para um córrego”, relatou.

AGRICULTURA E ESPORTE

Os convênios com a Secretaria de Estado da Agricultura somam R$ 3,56 milhões, com 34 municípios. As prefeituras vão comprar veículos e equipamentos agrícolas, como carretas, ensilhadeiras, semeadeiras, tratores, pulverizadores; além de pavimentação com pedras irregulares. Também há convênios com a Secretaria de Estado de Esporte e Turismo, para a construção de academias ao ar livre, que somam R$ 150 mil.

O município de Cruzeiro do Oeste, no Noroeste, assinou convênio para a implantação de duas academias. “Elas vão ser instaladas no bairro Jardim Cruzeiro, o maior da cidade”, disse o prefeito, Hedilberto Villa Nova Sobrinho. “Estamos muito felizes com isso, pois estávamos esperando há bastante tempo”, complementou.

Câmara pretende ouvir representantes da Sanepar

Dia 06/11/2017

Tramita na Câmara de Vereadores de Quedas do Iguaçu, um projeto de lei que autoriza o poder executivo a renovar o contrato de concessão com a Sanepar, por um período de 30 anos. O  presidente da casa vereador Leandro da Silva disse que a câmara já formulou convite ao representante da Sanepar para falar na tribuna do Legislativo sobre as condições de renovação do contrato de concessão, quais os investimentos que a companhia pretende realizar no município e, especialmente no tocante a ampliação do sistema de esgotamento sanitário no município.

O vereador também salientou que muito embora a rede de esgoto seja um dos mais importantes instrumentos de saúde publica, a tarifa cobrada pela Sanepar equivalente ao consumo efetivo de água é um valor exorbitante e a companhia também precisa  rever a cobrança da  taxa de religação de água  para os usuários que  permanecem inadimplentes.

envie para um amigo ...... comente está matéria........ imprimir a matéria


Últimas Notícias
 
Editoria Ano Mês
 
 

É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site, em qualquer meio de comunicação eletrônica ou impresso, sem a devida autorização escrita ou via
e-mail do site Iguaçu Notícias.

 

 


1

1

1

1
1

1

1

1

1

1

1

1

1

1